Lançamentos em CFTV


1/2" Ultra Low Light
Digital Camera


Axis 214 ptz
Network Camera


Proteção contra
Surto Elétrico
Projeta seu investimento contra surto elétricos.
Conheça as proteções da NBV e tenha a segurança que seus equipamentos precisam na sua instalação elétrica.
 
 

Nosso país é um dos que mais sofrem com a incidência de Descargas Elétricas Atmosféricas (raios). Aproximadamente 100 milhões de ocorrências por ano, segundo o INPE - Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais.
A queima de equipamentos sensíveis como computadores, sistemas de cftv, aparelhos de telefonia e toda uma gama de equipamentos eletrônicos, se faz cada vez mais presente no nosso dia a dia.
A explicação é simples, quando uma descarga elétrica atinge uma rede de transmissão (postes, fios e cabos), a centenas de metros do seu imóvel, é esta descarga que invade suas instalações, causando danos nos equipamentos.
Para evitar esses danos existem hoje, protetores de surto elétrico, que atuam como chaves "super rápidas", que direcionam a descarga elétrica para o aterramento, protegendo os equipamentos sensíveis contra essas sobre-tensões.

A necessidade de proteção dos equipamentos.
Com a queima ou inutilização dos equipamentos o problema se agrava. Além das despesas de manutenção, perde-se tempo até que o sistema volte ao funcionamento. Existe ainda o risco de dados importantes serem eliminados definitivamente do sistema.
A NBV, alinhada com este mercado já têm soluções para atendê-lo, através de excelentes produtos, qualidade, eficiência e ótima relação custo benefício.

Afim de se evitar falsas expectativas sobre os SPDA- Sistemas de Proteção contra Descargas Atmosféricas,  gostaríamos de fazer os seguintes esclarecimentos :

- A descarga elétrica atmosférica (raio) é um fenômeno da natureza absolutamente imprevisível e aleatório, tanto em relação às suas características elétricas (intensidade de corrente, tempo de duração, etc.), como em relação aos efeitos destruidores decorrentes de sua incidência sobre as edificações.

- Nada em termos práticos pode ser feito para se impedir a "queda" de uma descarga em determinada região. Não existe "atração" a longas distâncias, sendo os sistemas prioritariamente receptores. Assim sendo, as soluções aplicadas buscam tão somente minimizar os efeitos destruidores a partir da colocação de pontos preferenciais de captação e condução segura da descarga para a terra.

Entretanto, esta eficiência nunca atingirá os 100 % , estando, mesmo estas instalações, sujeitas a falhas de proteção. As mais comuns são a destruição de pequenos trechos do revestimento das fachadas ou de quinas da edificação.

- É de fundamental importância que após a instalação haja uma manutenção periódica anual a fim de se garantir a confiabilidade do sistema. São também recomendadas vistorias preventivas após reformas que possam alterar o sistema e também toda vez que a edificação for atingida por descarga direta.

 - Não é função do SPDA proteger equipamentos eletro-eletrônicos (comando de elevadores, interfones, portões eletrônicos, centrais telefônicas, subestações, etc.). Pois mesmo uma descarga captada e conduzida a terra com segurança, produz forte interferência eletromagnética, capaz de danificar estes equipamentos. Para a proteção destes ítens, deverá ser contratado um projeto adicional específico para instalação de supressores de surto individuais (protetores de linha).

Saiba mais sobre a tecnologia de proteção contra surto, entre em contato com a NBV !

nbv.com.br© 2008 | Politica de Privacidade | Termos de Uso